A Caixa Mágica

Em um vilarejo encantado mora uma contadora que é responsável por todas as histórias infantis. Para que essas histórias se tornem realidade, é necessário colocá-las numa caixa mágica. Um dia, essas histórias são roubadas. Então, a contadora precisa desvendar o mistério do roubo e encontrá-las. Na busca, ela encontra com o Lobo Mau, a Bela, a Branca de Neve, a Chapeuzinho Vermelho, o Príncipe Encantado e a Bruxa Má.

Esse é o argumento de “A Caixa Mágica”, uma peça teatral para as crianças e toda a família que estará em cartaz nos dias 23, 24 e 25 de novembro no Teatro Raul Belém Machado, no bairro Alípio de Melo (veja a ficha técnica e serviço mais abaixo).

A peça “A Caixa Mágica” é o primeiro trabalho do grupo Cia da Gaveta Caída. O texto é resultado de um processo de criação coletiva, inspirado no livro “A misteriosa caixa do contador de historias”, do escritor Sérgio Palmiro Serrano.

A Caixa Mágica apresenta personagens já conhecidos pelas crianças, porém de uma perspectiva diferente. Durante a construção cênica, os atores se esforçaram para mostrar novas facetas desses personagens.

A Chapeuzinho Vermelho é uma menina em busca de independência; a Bela é um investigadora sagaz; a Branca de Neve é uma glutona; a bruxa má apenas quer ser amada; o príncipe encantado quer encontrar o amor da sua vida; e o lobo quer ter um final feliz. Todas essas histórias são costuradas por uma contadora distraída que, ao final, aprende uma valiosa lição: só existe final feliz quando as pessoas são livres para escolher o próprio destino.

veronica

A Caixa Mágica não subestima a criança enquanto espectadora. O texto é construído de forma a sempre surpreender o público infantil. Assim, a peça aguça a imaginação dos pequenos. Os adultos também se divertem durante a peça. O texto está recheado de referências que somente o público adulto compreende totalmente. Assim, a peça se configura como um entretenimento para toda a família.

Sobre a Companhia
A Cia de Teatro Gaveta Caída foi criada em março de 2016. O objetivo era ter um espaço de experimentação. A Cia é um espaço aberto a todas as formas de fazer teatral. Tal qual uma gaveta, ela aceita todo tipo de experimentação e fazer.

O primeiro espetáculo da Gaveta Caída é justamente a montagem infantil “A Caixa Mágica”. O objetivo era alcançar o público infantil com uma obra artística que respeitasse a inteligência da criança. O espetáculo estreou em outubro de 2016.

O segundo espetáculo montado pela companhia foi “Nada Sério”. Era a primeira vez que a Cia. se aventurava na comédia. Trata-se de um standup. O trabalho mais recente do grupo foi a cena curta “Paralelas”, selecionada para o Festival Varejão das Artes de novembro de 2017 e para o Mostra Lab 2018. A cena é a primeira tentativa da Cia. na área do drama e conta as desventuras de duas mulheres submetidas a situações de violência.

Serviço
Nome do espetáculo: A Caixa Mágica
Duração: 60 minutos -Classificação: Livre
Data: 23, 24 e 25 de novembro – Horário: 18h
Local: Teatro Raul Belém Machado
Rua Jauá, 80 – Alípio de Melo
Preços: R$ 20 (inteira) / R$ 10 (meia-entrada)
Vendas: bilheteria do Teatro e Sympla

Ficha técnica
Direção: Cia de Teatro Gaveta Caída
Elenco: Fael Arcanjo, Ivo Peterson, Jéssica Oliveira, Luciana Coelho, Verônica Lana, Raul Hermisdorf
Sonoplastia: Raul Hermisdorf
Iluminação: Laurent Porto
Figurinos: Jéssica de Oliveira
Cenografia: Raquel de Souza
Artes gráficas: Laurent Porto
Mais informações: www.facebook.com/gavetacaida www.instagram.com/gaveta.caida

468 ad