Bebidas alcoólicas

Fim de ano, muitas festas… e o álcool, como fica?

Não é segredo pra ninguém que bebida alcoólica, além de acidentes de trânsito, pode aumentar o risco de várias doenças do fígado. Mas você sabe o que mais as bebidinhas em excesso podem fazer com você? E o quanto pode beber?

As bebidas alcoólicas possuem efeitos tóxicos no fígado, sim, que é o primeiro filtro da maior parte do que ingerimos; seja alimento ou veneno, primeiramente passa para ele filtrar.

Devido à toxicidade do álcool, os hepatócitos, que são as células que constituem o fígado, ficam machucados. Podem se regenerar, mas se forem lesados repetidamente, não aguentam e terminam morrendo e deixando uma cicatriz no lugar. Obviamente, ela não é fígado, é uma cicatriz, só fibra mesmo; por isso quem bebe muito, por algum tempo, fica com fibrose no fígado ou cirrose hepática.

Outro órgão que fica todo atrapalhado é o pâncreas: o álcool também causa pancreatite, após anos de uso continuado… Aliás, ele causa lesão muscular, cerebral, nervosa, no estômago, esôfago… Difícil é o lugar que ele passa sem fazer estrago… Ele queima músculo – faz perder o que você custou a ganhar na academia e certamente vai fazer falta quando ficar velhinho. Também irrita esôfago, estômago, aumentando o risco de câncer. Enfim, faz uma inflamada geral.

Inclusive, sabe aquela alegria da cerveja? Chama intoxicação alcoólica: varia desde à euforia ao coma…

Sobre beber ou não, claro, a decisão é de cada um. Na minha opinião, é preciso pesar o momento, a satisfação que aquilo pode proporcionar como o mal que pode fazer. Não é para todo dia e nem todo fim de semana.

Quanto à literatura científica, preconiza doses variáveis de segurança para cada pessoa e órgão. Para uma pessoa saudável, sem nenhuma doença no fígado (nem gordura no fígado, que é cada vez mais comum e todo mundo finge que não é doença, mas é), as doses máximas toleradas costumam ser:

Até 20g por dia para mulheres e 30g para homens. Mas quanto dá isso em termos de bebidas?

Vamos lá. Os 20g de álcool equivalem a 400mL de cerveja, 130 mL de vinho ou 50mL de vodca, whisky, rum, cachaça ou tequila. Esses volumes podem variar muito de uma marca para outra de qualquer dessas bebidas, e os valores são aproximados. Existe cerveja de mais 60% de álcool!

Então se você optar por beber, lembre-se: moderação não deve ser apenas pra dirigir o seu carro, deve ser pra dirigir o seu corpo também!

Feliz ano novo!!!

468 ad