Força de Minas

Internacional x Atlético e Cruzeiro x Grêmio.

Esta semifinal sul-mineira da Copa do Brasil retrata a força deste núcleo do eixo Uai-Tchê no futebol nacional.

Juntos, os quatro clubes somam dez títulos de Copa do Brasil, além de sete da Libertadores e dez da Série A do Brasileirão.

Ver os dois grandes de Minas nesta semifinal faz-nos lembrar das temporadas épicas vividas por ambos em 2013 e 2014, quando o Galo ganhou a Libertadores, a Recopa e a própria Copa do Brasil, enquanto o Cruzeiro foi bi do Brasileiro.

Após um hiato em 2015, os gigantes mineiros iniciam nesta quarta-feira contra os gaúchos a primeira parte de um duelo de 180 minutos por vaga na final.

Para o Cruzeiro, o jogo de ida é no Mineirão, às 21h45. Já o Galo visita o Inter em jogo marcado para o mesmo horário na Beira-Rio.

Diante do Grêmio, que também luta pelo penta da Copa do Brasil, o Cruzeiro tem a tradição de nunca ter levado a pior num mata-mata.

O tricolor gaúcho, inclusive, foi o adversário na decisão da Copa do Brasil de 1993 (veja vídeo abaixo), quando o Cruzeiro comemorou o primeiro dos quatro títulos. Os outros foram em 1996, 2000 e 2003.

Que a tradição celeste seja mantida!

Quanto ao Galo, embora tenha vencido o Inter em Porto Alegre por 3 a 1 pelo Brasileiro de 2015, vale lembrar que ficou quase 30 anos para conseguir tal feito, pois a última vitória fora até então havia ocorrido em 1986, por 2 a 0.

Mas a casa colorada já sediou inspiradoras vitórias atleticanas. Duas delas arrebatadoras, pelo Brasileirão de 1980. Confira, abaixo, nos vídeos.

Que o Galo 2016 se inspire no timaço de Cerezo, Reinaldo, Éder & Cia!

468 ad