Lançamentos para 2018

Os fabricantes e os importadores estão otimistas para 2018. Dessa forma, separamos alguns modelos que chegarão ao nosso mercado e outros que retornarão, renovados. Confira a lista abaixo.

BMW X2
A BMW do Brasil confirmou a chegada do X2 ao Brasil em 2018. O modelo tem identidade própria, mais esportiva e menos conservadora e é equipada com motor 2.0 turbo de 192 cv, além de câmbio automático de oito marchas. Além disso, é espera que o modelo seja montado na fábrica da BMW em Santa Catarina.

Chery Tiggo 2
O modelo é produzido em caráter experimental em Jacareí (SP) e será o primeiro produto da nova fase da Chery no país. O motor deverá ser o 1.5 do Celer, de 115 cv, ligado ao câmbio manual de 5 marchas.

Chevrolet Spin Activ
A Spin terá um facelift próximo do que ganhou o Cobalt. Novo design, com mudanças na dianteira e lanternas duplas na traseira e retoques no interior garantirão uma sobrevida ao modelo. Deverá ser mantido o 1.8 8V com câmbio manual ou automático de 6 marchas, além da opção de 7 lugares.

Citroën C4 Cactus
A Citroën não esconde que o principal lançamento de 2018 será o C4 Cactus. Produzido em Porto Real (RJ) na mesma plataforma PF1 utilizada pelo C3 e Peugeot 208. O irmão de projeto do Peugeot 2008, terá versões 1.6 aspirada e 1.6 THP (turbo e injeção direta), com design parecido com o da versão recém-reestilizada na Europa.

Fiat Cronos
O sedã do Fiat Argo já teve suas imagens divulgadas. Concorrente do VW Virtus, tem diferenças visuais em relação ao hatch inclusive na dianteira, mas mantém plataforma, cabine e equipamentos. Os motores serão o 1.3 e 1.8, com câmbio manual ou automatizado de 5 marchas ou automático de 6 marchas.

Ford Ka
O Ka muda pouco mas adota o 1.5 Dragon nas versões mais caras e câmbio automático de 6 marchas para brigar com Chevrolet Onix e Hyundai HB20 automáticos. Por dentro, terá a central multimídia Sync 3 com tela “flutuante”, no estilo do EcoSport.

Ford Mustang
O Mustang foi confirmado para o Brasil. Importado na versão GT, tem motor V8 5.0 aspirado de 466 cv e câmbio automático de 10 marchas. Contra o Camaro, fará uma das brigas mais aguardadas para 2018. O muscle car pode ser reservado, com preço de R$ 299.900.

Honda City
O Honda City terá um leve retoque visual e ganhará equipamentos, como os controles de tração/estabilidade e faróis de LED na versão mais cara. Mecanicamente, manterá o motor 1.5 e câmbio CVT.

BMW X2
BMW X2

Honda Civic Si
Ele já foi nacional, mas o Civic Si agora virá ao país (pela segunda vez) importado do Japão. O motor será o 1.5 turbo da versão Touring recalibrado para 208 cv e 26,5 kgfm de torque, além de ser equipado exclusivamente com o câmbio manual de 6 marchas. Virá na versão cupê 2 portas, com preço estimado de R$ 160 mil.

Honda CR-V
O SUV médio chegará ao país para concorrer com Peugeot 3008, Chevrolet Equinox e Jeep Compass. Segundo a Honda, será vendido apenas na versão Touring, de topo, com o motor 1.5 turbo de 192 cv e diversos itens de segurança e conforto com o preço estimado de R$ 180 mil.

JAC T70
Conhecido como S7 na China, o SUV tem o porte do Jeep Compass e deve brigar na mesma faixa de preços (R$ 120.000), mas com mais equipamentos e sete lugares.

Jaguar E-Pace
O irmão menor do F-Pace já foi confirmado para o Brasil e tem até preços. Custa de R$ 195.400 a R$ 278.080, sempre com motor 2.0 turbo a gasolina (249 cv ou 300 cv, dependendo da versão) e câmbio de 9 marchas.

Jeep Wrangler
O modelo ficou mais moderno quando falamos de estrutura e equipamentos. Mais leve, o Wrangler recebeu a opção de motor 2.0 turbo e itens como sistema multimídia e diversas portas USB pelo carro.

Kia Rio
Nas variantes hatch e sedã, o Rio entrará na briga com VW Polo e Fiat Argo (ou Virtus e Cronos) e usará o mesmo conjunto mecânico do Hyundai HB20, com o motor 1.6 e câmbio manual ou automático de 6 marchas.

Lamborghini Urus
O SUV da Lamborghini, Urus, tem motor com 650 cv, 4.0 V8 biturbo e interior luxuoso para quatro ocupantes.

Mercedes-Benz Classe X
A picape média da Mercedes aguarda apenas o inicio da produção na Argentina para chegar ao Brasil. Dividindo plataforma com a Nissan Frontier e Renault Alaskan terá uma versão V6 a diesel exclusiva para ela, além do 2.3 diesel oferecido nas irmãs de projeto.

JAC T70
JAC T70
KIA Rio
KIA Rio

Mitsubishi Eclipse Cross
Muitos lamentaram que o Eclipse reencarnou como um SUV. O modelo terá um motor 1.5 turbo de 163 cv e 25,4 kgfm de torque que trabalha em conjunto com câmbio CVT e tração nas quatro rodas. A outra opção é o 2.2 turbodiesel, combinado à transmissão automática de 8 marchas.

Porsche Cayenne
O SUV alemão ganhou nova geração, ficou mais espaçoso, potente e leve, além receber um estilo que lembra o 911 mais do que nunca. A versão híbrida também é esperada.

Renault Alaskan
Como a Mercedes-Benz Classe X, sua prima de plataforma, a Renault Alaskan chega ao Brasil para complementar a linha de picapes médias. O modelo terá o mesmo motor 2.3 diesel e sistema de tração 4×4 da Nissan Frontier, mas com design e acabamento próprios.

Toyota Yaris
A Toyota trará o Yaris ao Brasil. O modelo será fabricado em Sorocaba (SP) e terá posicionamento entre o próprio Etios e o Corolla. Espera-se que o motor seja o 1.3 e 1.5, do Etios, com câmbios manual de 6 marchas ou CVT. Existe a possibilidade de que o 1.8 do Corolla seja usado nas versões mais caras.

Volkswagen Jetta
O modelo será bem maior que a geração atual, até para se distanciar do Virtus, modelo do qual herdará muitas soluções de estilo, como a terceira janelinha lateral e a linha de teto curva. O motor será o mesmo 1.4 TSI nas versões de entrada, mas com mais potência e câmbio de 8 marchas. A versão 2.0 TSI passará a 230 cv.

Volkswagen T-Cross
A Volkswagen terá um modelo para brigar com o Honda HR-V, Hyundai Creta, Nissan Kicks e cia. O SUV compacto, T-Cross, será baseado na plataforma MQB do Polo e deverá utilizar os motores 1.0 e 1.6 TSI, como o Virtus.

Volkswagen Tiguan Allspace
Acima do atual Tiguan, o Allspace chegará ao Brasil em versão de 7 lugares e já na nova geração. Virá com motor 2.0 TSI e câmbio DSG de 7 marchas.

Volkswagen Virtus
O Virtus é fruto da plataforma MQB-A0, dividirá componentes com o Polo, de quem deriva, mas com entre-eixos alongado, para maior espaço interno, porém mantendo o conjunto mecânico do 1.6 com câmbio manual e o 1.0 TSI com câmbio automático de 6 marchas.

Volvo XC40
Irmão menor do XC60 e XC90, o inédito XC40 inicialmente será importado apenas nas versões com motor 2.0 turbo de 190 ou 254 cv, com preços que variando entre de R$ 169.950 a R$ 209.950. Os concorrentes serão o Audi Q3, BMW X1 e Mercedes-Benz GLA. São esperados os sistemas de segurança e condução semi-autônoma.

468 ad