O que são órteses?

Órteses são dispositivos externos aplicados ao corpo humano para auxiliar nos aspectos funcionais, biomecânicos e estruturais do sistema neuromusculoesquelético, com proposta terapêutica de melhora dos movimentos e/ou conforto do seguimento afetado.

Prescritas por médicos ortopedistas, fisiatras, fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais, as órteses podem ser indicadas para várias necessidades, como ganho de mobilidade, gerar estabilidade, imobilizar, aliviar pontos de pressão e reduzir a dor do seguimento comprometido.

Um exemplo de órtese é a palmilha, que faz a interface entre o pé e o calçado, revestindo o interior do calçado. Fabricada em porom e látex, possui características como durabilidade, de absorver o impacto, antialérgica e é ideal para prática esportiva.

A palmilha é um importante instrumento de correção e de compensação nas afecções dos pés. É indicada por um fisioterapeuta especializado em palmilhas para fazer as correções necessárias individualmente.

Elas são capazes de modificar o apoio do pé e participar na biomecânica da marcha, corrida e salto, aliviando áreas de sobrecarga e dor. Podem se adaptar aos mais variados tipos de calçados e são indicadas para: prevenir lesões em esportes como corrida e salto; dores nas plantas dos pés (fasceite plantar); esporões de calcâneo; alterações de arco plantar (pés cavos / pés planos ou chatos); distúrbios de outras articulações como ATM (articulação têmporo-mandibular) quando correlacionada com o apoio dos pés; alterações biomecânicas do quadril e joelho também podem apresentar melhoras com as correções aplicadas por meio das palmilhas corretivas.

Outro exemplo de órtese é o colar cervical, utilizado para procedimento de tratamento de lesões na coluna cervical (pescoço) como traumas ou pós-cirúrgicos.

É isso. Até a próxima, pessoal.

Abraço!

468 ad