O sol, a lua e as estrelas

A peculiaridade de cada pessoa faz das relações interpessoais algo fascinante. As vezes, algo que pode ajudar a elucidar personalidades é a comparação das mesmas com elementos da natureza como animais , astros, fenômenos naturais…Todos temos um amigo que é bravo como um leão, calmo como um dia de outono ou explosivo como um vulcão!

Observando as pessoas à minha volta, principalmente no âmbito profissional, desenvolvi um método de associação que muito me ajuda no relacionamento interpessoal, e, assim, sabendo de que forma lidar com os diferentes tipos de pessoas. Talvez você se reconheça em uma das descrições que farei a seguir.

sol

O SOL – A pessoa que se faz sol, e digo se faz porque ela tem certeza de seu brilho único e magnífico, é aquela que quando aparece no céu ofusca o brilho de todos os astros. Não permite que as outras pessoas brilhem a seu lado e se faz sempre soberano. Há modelos de chefia que são exatamente assim. Não se pode desenvolver um projeto ou assunto sem que o sol impere a opinião dele e mesmo que concorde com as ideias dos subordinados, sempre acrescenta algo que chama de “a cereja do bolo”, para que a ideia de outrem torne-se válida somente se melhorada por ele. Para lidar com este tipo de pessoa, deve-se saber que a opinião dela é sempre magnânima e que a ela não se deve contar grandes feitos pessoais, uma vez que os dela são sempre maiores e mais importantes.

A LUA – A lua, apesar da cintilância e venustidade, não tem luz própria. Ela nunca brilha sem o SOL, apenas reflete a luz dele. Anda sempre ao lado dele, de maneira submissa e respeitosa. Não se é de todo mal ser lua. Às vezes, para ser grande perto do sol, somente sendo lua, mostrando a ele que não se pretende tomar o lugar e brilhar apoiado na luz. O grande problema é que pessoas de personalidade lua não se impõem e acabam por acatar sempre os desmandos do SOL que lhe cerca. Conviver com a lua é mais fácil que conviver com o SOL. A lua, a despeito do astro singular, já permite que haja estrelas à sua volta. Ela não ofusca o brilho dos outros astros, mas caso haja um eclipse e o SOL não esteja por perto, ela não é mais vista no céu.

AS ESTRELAS – As estrelas sempre estão lá. Elas brilham todas juntas e, assim, formam as lindas constelações. Uma estrela sozinha não faz uma noite estrelada. As pessoas estrelas são aquelas que têm vida e luz própria, que sabem trabalhar em equipe e que não ofuscam o brilho dos colegas, amigos, cônjuges… São pessoas que convivem bem com a LUA e não relutam de forma alguma a aparecer quando o SOL está no céu a brilhar.

Ser SOL, LUA ou ESTRELA não depende somente de característica inata. São traços de personalidade que podemos optar por assumir, e, assim, manter o bom convívio no trabalho, em casa, nos negócios… O céu é grande, há nicho para todos os astros brilharem, o grande segredo é saber de qual luz se vestir para saber quando impressionar, refletir ou simplesmente brilhar.

468 ad