Síndrome do comer noturno

Como você já percebeu, nós, humanos em geral, temos o hábito de comer durante o dia. Mas… Você sabia que existe a síndrome do comer noturno?

Todo mundo conhece o famoso assaltante de geladeira, que, sorrateiramente, faz aquela “visita” à cozinha no meio da noite. Isso na verdade é uma alteração complexa no nosso ciclo de sono/vigília e dos hábitos alimentares, em resposta a alguns estímulos, como o estresse, por exemplo.

Esses transtornos estão fortemente associados à obesidade e sobrepeso. Ocorre uma alteração hormonal real que leva a esse atraso na fase alimentar. Essas pessoas tem uma tendência a sintomas depressivos, além de um sono de má qualidade.

O tratamento adequado com orientação alimentar adequada, além do controle do estresse e depressão quando presentes, pode normalizar o ciclo diário.

Dicas:

– Alimente-se adequadamente durante o dia;

– Evite chegar em casa após jejum prolongado;

– Procure uma atividade desestressante antes de ir descansar de fato. Vale atividade física, hobbies, qualquer coisa que desligue você um pouco das preocupações do dia a dia;

– Faça uma refeição variada ao chegar, assim você já mata a fome no início da noite;

– Ajuste uma ceia saborosa e de conteúdo protéico para auxiliar na saciedade.
Dessa forma, podemos controlar o peso de algumas pessoas que “não perdem peso de jeito nenhum!”. Isso tudo sem a necessidade de colocar nenhum cadeado na geladeira.

geladeira
468 ad