Viagem em férias

Os consultores do ReclameAuto, Eduardo Viegas, da Viegas Seviços Automotivos, de Belo Horizonte, Diego Bettega, do Centro Técnico Automotivo Decar, de Curitiba (PR), e o Bira, da BV Import, de Caxias do Sul (RS), são unânimes quando o assunto é a temperatura do motor.

Para eles, manter o ar condicionado funcionando bem é um dos pontos fundamentais para evitar o superaquecimento do motor. “É importante sempre verificar a temperatura ou observar as luzes no painel do carro,” explica Bira.

“Deve-se observar se o sistema de arrefecimento está funcionando de forma eficiente. Afinal, em viagens de férias o sistema é mais exigido e, caso falhe, o motor pode fundir”, lembra Diego.

O proprietário da Viegas lembra que a manutenção do ar-condicionado deve ser lembrada. “Deve-se verificar a carga de gás, a limpeza dos filtros e ficar atento ao manual de instrução do fabricante do veículo”, conta Eduardo.

Para amenizar o calor, os especialistas recomendam ajudar o ar-condicionado depois que o carro esquentou demais após horas estacionado sob o sol. É indicado abrir as portas do carro para o ar circular, e “andar com os vidros abertos por um tempo, geralmente de dois a três minutos, para a saída do ar quente interno, e só depois fechar os vidros e ligar o ar-condicionado”.

Areia e maresia

Sol, calor, maresia e a areia fofa da praia são uma delícia para quem está em férias, mas para o carro essa combinação pode ser prejudicial. Dessa forma, quem viaja para a praia deve ficar atento com a areia e a maresia, que pode causar oxidação em algumas partes do veículo, a popular “ferrugem”.

De acordo com os profissionais consultados, uma lavagem completa no veículo é indicada antes e após esse tipo de viagem, para manter o carro protegido de areia.

“Mas é bom lembrar que não se deve jogar óleo por baixo do veículo, somente efetuar a lavagem”, lembra Eduardo.

Além disso, o sol forte pode comprometer a parte estética do carro, como a pintura e o acabamento interno, como painel e bancos. Para evitar esse problema, Diego indica encerar o carro a cada três meses, “mas sempre na sombra”, acrescenta Diego.

praia
468 ad